Translation

Architecture and interior decoration tips in 2021.

  • News

As arquitetas Susana Fiuza e Mariana Mota dão dicas do que vai ser tendência em arquitetura e decoração de interiores em 2021

Naara Vale
naaravale@ootimista.com.br

Depois de um 2020 praticamente dentro de casa, muita gente percebeu o quão pode ser prazeroso curtir o seu cantinho. Em muitos despertou também a vontade de deixar a casa ainda mais com a cara dos moradores ou a necessidade de ajeitar uma coisinha aqui outra ali. Com 2021 chegando, os planos de repaginar os ambientes já devem estar na lista de metas. Por isso, trazemos aqui as principais tendências em arquitetura e decoração de 2021, comendadas pelas arquitetas Susana Fiuza, apresentadora do programa Oba, Obra!, da TV Otimista, e Mariana Mota, diretora da Cerbras.

CORES

A cada ano, a Pantone – do Pantone Color Institute – elege a cor do ano, que influencia o desenvolvimento de produtos, seja na decoração, na moda ou no design. Para 2021, ela elegeu duas cores: Illuminating (amarelo) e Ultimate Gray (cinza). Enquanto o amarelo representa a força e a positividade, o cinza remete a elementos sólidos e confiáveis, que oferecem uma base firme. Segundo a Pantone, a dupla de cores independentes mostra que elementos muito diferentes podem se unir para se apoiar.

A arquiteta Susana Fiúza, no entanto, lembra que, assim como nos demais elementos da arquitetura, o uso das cores vai depender do perfil do cliente. “É muito mais o que o cliente quer e como é a forma dele de viver, de usar, de estar dentro do ambiente. Num ambiente comercial, é o que ele precisa transmitir, o que precisa passar para atrair os clientes ou para ter uma experiência maravilhosa no espaço”, explica.

FLOORS AND COVERINGS

A pandemia mostrou a importância de priorizar o uso de materiais que ofereçam praticidade na limpeza. “Revestimentos como cerâmicas e os porcelanatos são grandes destaques pela facilidade de limpeza. Prestar atenção na desinfecção dos revestimentos utilizados nos projetos dos imóveis é, agora, além de praticidade, questão de saúde”, diz a arquiteta Mariana Mota. Segundo ela, os porcelanatos com tamanhos maiores tendem a ganhar mais espaço no mercado, ajudando a criar a impressão de amplitude dos ambientes.

Revestimentos que unam durabilidade, resistência e naturalidade são as apostas de Susana Fiúza para 2021. Ela conta que tem utilizado muto o quartzito nos seus projetos, uma pedra natural tipicamente do Brasil e produzida também no interior do Ceará. “É um material totalmente natural, resistente, duro. Uma tendência é a gente usar cada vez mais os nossos materiais, as fabricações do nosso País para o dinheiro rodar aqui dentro, mas muitas vezes, a gente pega o melhor e exporta”, observa a profissional.

FURNITURE

A tendência é que a movelaria acompanhe a mutabilidade da vida atual. “Tenho projetado de uma forma mais solta, mais flexível para que o cliente, quando se mudar, possa levar os móveis. A minha tendência tem sido os moveis de design, que têm muito mais acabamento e que vão durar. Vamos investir mais em arte, em design, principalmente, os brasileiros”, ressalta a apresentadora da TV Otimista.

ENVIRONMENTAL INTEGRATION

Unir espaços para ganhar amplitude nos ambientes e conectar as pessoas segue como tendência em 2021. “A gente trabalha em casa, o lazer da gente é em casa trazendo as pessoas para dentro. Então, isso faz com que a gente use os ambientes de uma forma cada vez mais integrada. Dependendo do cliente, do estilo e da vida daquela família, muitas vezes a gente integra o ambiente colocando uma porta de correr que, quando você quer, fecha”, ensina Susana.

fonte: https://www.tapisrouge.com.br/

Share:
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
FOLLOW US

@Cerbras

Newsletter

Stay tuned with our news

Contact

© Cerbras. All rights reserved.

Developed by Drift Web

Cerbras Press